fbpx

Avatar | Filmagens também são adiadas, mas os trabalhos de efeitos visuais do filme continuará


O produtor de Avatar, Jon Landau, confirmou que a produção das próximas sequências foram interrompidas devido às contínuas tentativas da Nova Zelândia de impedir a propagação do Coronavírus. Agora, as filmagens serão adiadas, mas a Weta Digital, com sede em Wellington, deve continuar trabalhando nos efeitos visuais.

Enquanto isso, a equipe executiva do filme deverá permanecer em Los Angeles depois de cancelar um voo para Wellington na sexta-feira.

“Tínhamos planos de descer na sexta à noite com um grupo de pessoas e começar de novo. Decidimos adiar e continuar trabalhando aqui [Los Angeles], e descer um pouco mais tarde do que tínhamos planejado. Estamos no meio de uma crise global e não se trata da indústria cinematográfica. Acho que todo mundo precisa fazer agora o que pudermos, como dizemos aqui, para achatar a curva do coronavírus.”

Quanto à retomada da produção na Nova Zelândia, o produtor observou que está reavaliando o cronograma “todos os dias, porque é a rapidez com que as coisas mudam”.

A primeira sequência de Avatar deve ser lançada em 17 de dezembro de 2021, com mais três filmes virão em 2023, 2025 e 2027. O orçamento dos novos projetos da franquias tem um valor de US$ 1 bilhão de dólares.

A produção é dirigida por James Cameron,e co-escreveu o roteiro com Rick Jaffa, Amanda Silver, Josh Friedman e Shane Salerno. Estrelam o longa Sam Worthington, Zoe Saldana, Sigourney Weaver, Stephen Lang, Cliff Curtis, Joel David Moore, Oona Chaplin, Giovanno Ribisi, Vin Diesel e outros.


Like it? Share with your friends!

Jorge Fossati

Recifense, Filmmaker em formação, cinéfilo, leitor de HQs, amante de artes marciais e fanático por futebol. Instagram: @jorge_fossati_pe Twitter: @fossati_pe

0 Comments

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *